Cronograma Imposto de Renda 2021

O imposto de renda é uma espécie de tributo que faz com que o contribuinte, seja ele pessoa física ou jurídica, pague certa porcentagem de sua renda para o governo. O cálculo do valor a ser pago pelo contribuinte tem base na riqueza produzida pelo contribuinte, seja ela fruto de trabalho e/ou capital. A prestação de contas normalmente acontece nos meses de março e abril. É importante estar sempre atento ao Cronograma Imposto de Renda 2021 para não perder nenhum prazo. Os contribuintes que pagaram impostos a mais, receberão a restituição, em compensação àqueles que não contribuíram, correm o risco de caírem na malha fina. Confira o Cronograma Imposto de Renda 2021 abaixo.

Cronograma Imposto de Renda 2021

Cronograma Imposto de Renda 2021

Prazo para declaração IRPF 2021

O prazo para declaração do imposto de renda do ano de 2020 se excedeu às 23 horas e 59 minutos do dia 28/04/2021. A não declaração do mesmo implica em uma multa de valor mínimo de R$165,74, e o valor máximo pode chegar a 20% do imposto devido.

A instrução dada é que mesmo aqueles que se perderam no prazo de entrega e não conseguiram declarar todos os valores, faça uma declaração incompleta, para não serem multados.

Cronograma Imposto de Renda 2021

Cronograma Imposto de Renda

Cronograma Imposto de Renda 2021

As restituições do Imposto de Renda serão efetuadas de acordo com a ordem de declaração do imposto, e terão prioridades no recebimento das mesmas os contribuintes com idade igual ou maior a sessenta anos e portadores de necessidades especiais.

Em 2021, o pagamento das restituições do IRPF 2021 será efetuado em sete lotes, sendo o primeiro efetuado em junho e o último em dezembro, conforme o cronograma Imposto de Renda 2021 publicado no Diário Oficial da União.

  • 1º lote: 15/06/2021;
  • 2º lote: 16/07/2021;
  • 3º lote: 15/08/2021;
  • 4º lote: 17/09/2021;
  • 5º lote: 15/10/2021;
  • 6º lote: 16/11/2021;
  • 7º lote: 17/11/2021.

Quem Deve Declarar o Imposto de Renda?

Para a declaração do imposto de renda 2021, que ocorrerá somente no ano seguinte, o governo ainda não definiu critérios e nem valores mínimos, mas a título de conhecimento, o trabalhador pode se basear no exercício de 2020.

Portanto, devem declarar o imposto de renda aqueles que:

  • Somaram mais de R$28.559,70 seja com o trabalho, pensões e outros benefícios;
  • Os que possuem veículos e outros bens materiais, como imóveis, por exemplo, que somam mais de R$300 mil;
  • Os que obtiveram ganho de capital com a venda de veículos e/ou imóveis;
  • Quem têm receita bruta de atividade rural maior que R$142.798,50;
  • Aqueles que receberam valor superior a R$40 mil em rendimentos isentos;
  • Os que realizaram operações na bolsa de valores.

A declaração do imposto de renda é obrigatória também para estrangeiros que passaram a residir no Brasil e se encaixam nesses casos citados acima.

Quem deve declarar o Imposto de Renda

Quem deve declarar o Imposto de Renda

Os contribuintes que ainda têm dúvidas sobre a declaração do imposto de renda podem, ainda, acessar o documento de perguntas e respostas que estabelece a regra para cada caso disponibilizado online pela Receita Federal.

É importante ressaltar que quem faz a declaração com antecedência possui mais vantagens, já que recebe a restituição do Imposto de Renda 2021 mais cedo, no caso de a Receita não encontrar omissões e erros.

Leave a Reply